terça-feira, 23 de setembro de 2008

Um Dia de Estações.

Acordou, suada e cheia de energia, fazia calor. Não brigou com os lençóis e nem ligou para o travesseiro; levantou, abriu as cortinas e a janela e deixou o sol forte invadir o quarto. Ligou o rádio na estação mais alegre da cidade e foi dançando para o banho. Já nua no banheiro, depois de cantar um pouco na frente do espelho e de gostar do corpo ao mesmo tempo, se distraiu ao fechar a porta do box, que bateu fazendo estrondo. Ligou então o chuveiro, que choveu água gelada e gostosa.

Saiu de toalha do banho e foi até a cozinha, voltou comendo uma maçã e viu que o céu estava cinza e que um vento frio entrava pela janela do quarto, que ela fechou logo antes de desligar o rádio irritante. Vestiu um vestido meio escuro, bonito, não curto, bem quentinho, e botas. Na rua precisou prender os cabelos, porque o vento fazia as folhas secas caírem das árvores e voarem entre as pessoas. Subiu para o vigésimo andar, onde trabalhava, regou sua florzinha quase seca e trabalhou.

Na hora do almoço, desceu e viu uma cidade colorida como não via há tempos. O sol brilhava e esquentava sem incomodar, o vento não ventava mais, mas havia uma brisa mansa, fininha, gostosa, entrando pelo meio dos cabelos. Mudou então o que tinha decidido para o almoço: desistiu da churrascaria e foi para aquele restaurante novo que vendia umas saladas ótimas. No caminho, quando na entrada do shopping lhe deram uma flor amarela, lembrou que sua florzinha do escritório já estava mais viva quando ela saiu do que quando chegou, de manhã. Almoçou feliz, voltou para o trabalho e a tarde passou rápido. Quando viu, já era hora de ir embora.

Os faróis dos carros já estavam acesos, assim como os postes; o sol já estava longe dali. Fazia frio, tanto que ela teve que vestir o casaco que levava sempre na bolsa. Comprou um cappuccino grande numa cafeteria e foi bebendo até o metrô. Durante a viagem de volta, chegou a ver até alguns cachecóis, e reparou que ninguém estava muito para conversa aquele dia, todos de cara fechada, mau-humor no ar. Foi sendo tomada por um desânimo melancólico, ligou para uma amiga quando saiu da estação de desmarcou a baladinha combinada, dizendo não estar no clima. Parou na locadora e pegou três filmes, já que era sexta e o fim-de-semana não prometia. Em casa pediu pizza, bebeu vinho, e viu dois dos filmes com o gato no colo. Chegou a cochilar, mas só foi dormir, na cama cheia de edredons, depois de fechar bem todas as janelas.


Tyler Bazz

15 comentários:

Rejane Oliveira disse...

Me identifiquei na hora do banho, cappuccino, melancolia, filmes, edredons....

Adoro época de frio! Adoro ler seus textos...

Gilgomex™ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gilgomex™ disse...

emo...

mas falando sério...

Eu já tentei (e vcs são testemunhas que eu tentei), mas não consigo manter um texto sério durante tantas linhas...
Tyler... Você deveria ser o mais velho entre os blogueiros da "nossa blogosferinha".

PS: sei que um dia o Tyler vai me xingar muito por ficar dizendo que ele parece um velho...

Pâmela disse...

Tyler, porque você e o Rob sempre atualizam juntos?
Toda vez que eu entro no Champ e tem post novo eu penso "vou entrar no Tyler pq com certeza lá vai ter um post novo tbm".
Eeinh? Porqueee?! Eutoou curiosa!

Marcello disse...

Você acabou de descrever perfeitamente o clima de São Paulo :D

m disse...

perdão pela invasão, mas a usuária "thais favoretto" dona do blog "oquetesobralemdascoisascasuais" não é a verdadeira autora dos lindos textos que publica. ela copia textos e fotos dessas paginas aqui:

www.fotolog.com/trouxesteachave

www.fotolog.com/blussh

perdão pelo incomodo, mas sou a dona do primeiro footlog e minha amiga é dona do segundo. estamos tentando avisar isso a todos os amigos que comentam no blog dela, pra avisar que isso tudo é plágio! não é virus, nem spam. meu nome é marjorie, e se desejar, deixo aqui minha pagina no orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=13059396201502791421

um grande beijo, e perdão pelo incomo novamente. tenha uma linda semana o/ :**

Marcio Sarge disse...

Este texto me fez lembrar de São Paulo e dia de frio e solidão...

Perci Carvalho disse...

o humor dela muda com o clima.
meu humor muda. MUITO. mas nao sei de acordo com o que, ja descobri q nao tem nada a ver com TPM, clima ou as fases da lua ^___^






deu vontade de alguar filmeees e ficar quietiiinha assistindo... ai ai...




bjomeliga!

chaverinho disse...

eu quero esse clima frio em Brasília...
ohh cidade seca dos inferno

Gabi disse...

Frio em Foratelza é a mesma coisa que político que não mente,ou seja,IMPOSSIBLE!

;D

Larissa Bohnenberger disse...

Dias cinza são realmente de brochar qual quer um... nada como céu azul, sol brilhando e flores... agora, sou obrigada a dmitir: adoro frio. Não tem nada que me deixe mais de mau humor que sair do banho já escorrendo suor, e ter que colocar a roupa com o corpo todo gosmento. Felizes os que não transpiram...

Favoretto, Thais. disse...

Super estável a tua personagem, não?

Acho que toda essa inconstância se dá muito presente em toda e qualquer mulher, independente de idade, e tudo mais.

Essa bipolaridade, quase crônica, tempera vidas e lidera a velha máxima do "viva e deixe morrer".

É quase como estar se sentindo vazio e, logo após ver o sol se abrindo abrir junto com ele um sorriso. sentir-se mais aliviado de um mal que nem lhe pertencia. que nem ao menos tinha um motivo plausível para ser.

_

Esse foi o melhor trecho. o mais intrigante:

"Chegou a cochilar, mas só foi dormir, na cama cheia de edredons, depois de fechar bem todas as janelas."

O que ela não queria deixar entrar pelas janelas?

beeijos! ;*

Deisinha Rocha disse...

Pronto, achei a palavra que eu queria pra comentar nesse texto...

vc tava completamente e lindamente - esse lindamente me lembra caetano - inspirado...

FERNANDO RAMOS disse...

Também fico com a opinião da Thais Favoretto aí em cima, Tyler.

E a dúvida é a mesma. Mas tenho uma suspeita: não há aqueles ensinamentos orientais ou seja lá que diabos são, que dizem que janelas abertas trazem vibrações positivas? Ela as fechou porque o mau humor voltara? Ou não?

Anônimo disse...

what bands are good to see for emo hairstyles?
[url=http://www.emo-hairstyles.info/]emo hair[/url]