sábado, 5 de janeiro de 2008

Pegando o Carro

"Mãe..."

"Fala, filho."

"Eu sou gay!"

"Quê?? Que história é essa, menino????"

"É isso, mãe. Eu sou gay, me descobri. Conheci um cara e me apaixonei..."

"Cala a boca, moleque! Um menino tão bonito, inteligente, dizendo uma coisas dessas. Imagina se seu pai ouve..."

"Ele já sabe. E adorou, ficou super feliz em ser o primeiro a saber."

"Não acredito nisso! Onde já se viu, jogar a vida fora desse jeito... Seu pai não ia concordar nunca com isso, ele ia ter é um ataque do coração se ouvisse uma coisa dessas."

"Vai lá falar com ele então, mãe."

***

"Escuta, João, a gente precisa conversar sobre o Alex..."

"Ele te contou, então? Achei que já tava mais do que na hora né... depois da Flavinha ele nunca mais namorou menina nenhuma."

"Do que você tá falando, João?"

"Da namorada nova que ele arrumou, ué. Me contou ontem à noite, não é disso que você quer falar?"

"É. Mais ou menos. Porque a tal namorada não é muito bem uma namorada, sabe..."

"Como assim, mulher, tá louca?"

"Teu filho embibou, João! Veio agora me falando que virou veado! Que tá apaixonado por homem..."

"Que história é essa?? Filho meu não namora com homem de jeito nenhum!!"

"Vai saber o que mais de errado ele não deve tá fazendo também. Pode ter até droga no meio..."

"Eu vou falar com ele é agora!"

"Eu avisei que você não ia deixar..."

Mas nenhum dos dois achou o Alex em casa. O carro também não estava na garagem. E o menino conseguiu, finalmente, sair sem enfrentar meia hora de interrogatório dos pais.


Tyler Bazz

25 comentários:

Leandro Bastos disse...

uhauahuah!
o menino nao era vc né?
legal o blog!

Wuoy vooM disse...

Que situação hein!?
É essa a reação de muitas pessoas mesmo... eu assumo que se eu tivesse um filho e ele falasse isso para mim eu teria um ataque cardíaco (não pelo preconceito mas pelo susto que deve ser para qualquer pai) afinal quando se é educado seguindo princípios católicos (pelo menos eu) você espera um curso “normal de vida” nascer, crescer, SE REPRODUZIR e por fim morrer!

Cordiais abraços do amigo Lucas Queiroz – Wuoy vooM

Willyan Vinícius Cordeiro disse...

Hauaau...
Como o próprio marcador disse: Sem Nexo!! hehhehe

A história sim, é legal, como disse wuoy acima, qualquer pai levaria um susto! Claro!! Mas essa é a realidade!!

Mto massa o blog e mto massa o txt!!!

Parabéns!!
Confere o meu lá depois!!

Abraços

Luiz Guilherme disse...

Muito bom......

dps dessa.....nem sei o q dizer...rsrsrrs

Luiz Guilherme BY Lg7----Book Demo---In Stores 10/01/08

Rodrigo Fernandes disse...

Realmente o marcador dos eu post têm a ver: sem nexo..heheh...
mas falando em preconceitos... é froid.. deve ser duro pra alguém ter que assumir uma coisa dessas em uma sociedade extremamente tradicional e consevadora como é a nossa... ahah, curti a parte do deve estar até se drogando...ahaha... fala sério...
já fizeram essa pergunta e vou repeti-la, não é sua hsitória não né?!?
não tô te xingando, mas se for, da um "que se ferva" já que a vida é sua e não tem que dar satisfações pra ninguem... é ou não é?
abraços...
roderspace.blogspot.com

Tyler Bazz disse...

não. não é minha história, gente.

SAMANTHA ABREU disse...

hahahahahaha
aind abem que não é, né?!


mas podia ser?!
haha

porque é boa pra caralho!
um beijO!

gaspar bezerra disse...

merecia um final melhor

Fernando disse...

Boa fuga. Mas explica uma coisa, Tyler: o que aconteceu quando você voltou?

Rá! Rá! Rá! Rá! Rá! Rá! Rá! Rá!

Bom conto, cara. Abraços!

Lizandra disse...

huahuahua....
menino mal esse hein..??

;)
==+==

Fefo Fenero disse...

Tá todo mundo zoando e tal... mais que queria ver se acontecesse de ter um filho viado...

Maiara Mascarenhas disse...

Já leste "O Rei da Vela" de Oswald? Enfim, teu texto lembra, de longe, algumas coisas.

Chris disse...

Muito bom!!!!!
Conheço umas histórias assim, mas verídicas... rs...
Adorei seu blog!

Depois visita o meu:
http://series-etc.blogspot.com/

bicalita disse...

hahaha, boa essa viu ?
tava lendo os outros textos e adorei o Marcela - Dia da mentira.
muito legal mesmo !

beijos.

Bárbara Chantal disse...

Tipo...
"pai, to com aids"
"ai meu deus, minha filhinhaaa"
"calma pai, é mentirinha, só estou grávida!"

Marcello disse...

Tá aí um cara engenhoso. :D

Cara estranho disse...

hahahaha
Muito bom Tyler.
Se me permite um comentário, faltou um finalzinho um pouco melhor [pronto. falei...rs].
Tem certeza que não era você né? [brincadeira,rs]


Abraços

Gabrielle disse...

Olha, bem fez o guri da história.
Eu até entendo que pra um pai ou uma mãe possa ser um choque saber que o filho é homossexual e coisa e tal, mas porras, estamos em um século onde é ridiculo existir preconceito. E isso inclui o preconceito contra os homossexuais.

Homofobia já era :D
Se o que vale nessa vida é ser feliz, deixa o pessoal curtir ao lado de outra pessoa. Amar, respeitar, cuidar...
Nem que seja com alguém do mesmo sexo!

Beijo!

Ramon Mulin disse...

Cara você é simplesmente bárbaro em seus contos, nossa me chamou a atenção seu blog [verdade, não teve orkut nem nada não, simplesmente achei ele no blogger.].E cara, você vai para os meus preferidos... Essa aí do moleque inventar que é veado para pegar o carro, foi diversão pura ler isso...
valeu, você vai estar na minha llista de favoritos...
10,100,1000, demais o seu blog.
Também tenho um blog de contos, mas um pouquinho diferente do seu, pois são todos em primeira pessoa, e não são tão bem humorados assim...
se quiser dar uma olhada...
Cara, te amo bicho, você é o cara dos contos...
Você me divertiu muito com isso.
Abraços

Os melhores sites PTC disse...

Assunto delecado heinn!!!

Mas é a realidade de muitas familias.

Abraço!!

ღ mey ♥¨`*•.¸¸.•*´¨♥ღ disse...

eh a realidade... legal teu blog viu!
parabens... espero q visite o meu e tbm goste ;)

bejaum

Victor the Stranger disse...

se isso pega no olho é um perigo

Bernardo Lima disse...

hahaha
ia fazer a msm pergunta do primeiro aqui...rsrsr
mas foi engraçado...rs
abraço

Jul!o disse...

Gosto de contos soltos, sem nexo mesmo...
Adorei. Acho que pressão não é a melhor arma...mesmo.

Lucas disse...

huahuahahuha... muito boa msm essa historia, e o melhor e q ate chegar no fim, ele e imprevisivel!

www.oapanhador.blogspot.com