quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Marcela - Gorda?

Uma vez eu estava lá, deitado na cama da Marcela, vendo tv, enquanto ela enlouquecia tentando escolher uma roupa. A gente ia sair; cinema, depois bar, algo assim. Enfim, ela me aparece com uma calça que, segundo ela, estava jogada no fundo do guarda-roupa há anos. "Ficou boa?"

"Hmmm.. pra ser sincero, essa calça te engorda uns dez quilos." A Marcela era bem magra, e ficava magra mesmo dez quilos mais gorda. Juro que a última coisa que pensei quando disse aquilo foi que eu provocaria tamanho estrago.

"Gorda?? Então eu sou gorda???"

"Não foi isso que eu falei, Má..."

"Eu não vou mais sair de casa. E também vou ficar uns bons dias sem comer nada. Quem sabe assim eu fico magra o suficiente pra você, né!"

"Eu não falei que você tá gorda! Eu disse que a calça de sessenta anos de idade que você resolveu usar não é a mais indicada para uma pessoa como você."

"Uma pessoa como eu é uma pessoa gorda. Foi isso que você disse."

"Não foi nada disso, Marcela. Decide se você vai com essa calça ou com outra, que a gente já tá quase atrasado. O filme tem hora pra começar, lembra?" - Paciência, a virtude dos grandes.

"Eu não vou mais. Já falei. Se quiser ir, vai sozinho. Ou chama alguma amiguinha magra que você tenha..."

"Tchau, Marcela."

Levantei e fui embora. Não fui no cinema com nenhuma amiguinha magra que eu tinha, a Marcela sabia disso. Fui pra minha casa, passar nervoso sozinho e ver que até a Marcela, tão única como era, era também uma mulher, com todas as características mais próprias de todas as mulheres.

Cheguei em casa, me joguei no sofá, e antes que eu conseguisse achar o controle remoto o telefone tocou.

"Alô."

"Oi, é a Má."

"Fala..."

"Hã... vem pra cá... vamos ver algum filme na tv."

E eu fui.



Tyler Bazz

22 comentários:

Calango Net News disse...

Boa história. Simples e divertida. Parece com histórias de "sitcoms".

Sempre é bom falar a verdade. Omitir a para o outro é pior do que falar.

Bom blog.

Abraço!

http://calangonetnews.blogspot.com/

Marcello disse...

Mulheres... típico.
Achava que a Marcela se sairia melhor ;x

Bundinha...;x disse...

Perfeito como sempre...\o/

Eu, disse...

As mulheres são todas iguais, os homens não. Tem piores...

M. [doc] B. disse...

Ah... Toda mulher é igual! HAhahHAhahHA
E se você tivesse ficado lá a noite toda, ela não iria te perdoar; :P
Mas esse é o jogo do amor!

Rafael Velasquez disse...

putz!

Rafael Portillo disse...

Eu gostei e muito, mas não entendi se é um conto ou se é verdade...

http://rafaelportillo.blogspot.com/

Isa disse...

nós sempre chamamos de volta... e vcs SEMPRE voltam !

Nathalia disse...

Nossa.. eu tb achava que esse ditado , Homem é tudo igual , e Mulher é tudu igual , era falso ..
uahuahuaha.
Eu faria a mesma coisa .
uahuahuaha..

achei o blog atravez do teu orkut q tava add numa comunidade de blog.
^^
bjos
=*

Gilgomex™ disse...

eita... vc está muito produtivo ultimamente... quase posts diários...

a Marcela é fogo (e eu fico pensando numaamiga minha que tb se sente gorda com qualquer coisinha...eu vejo os ossos dela.. mas não adianta falar).
abraço.

Fernando disse...

A Isa falou perfeitamente aí acima. A gente sempre volta.

Pra quê continuar com a briga, não é verdade? Depois de uma discussão dessas, todo e qualquer combinado vai por terra, então é melhor a fazer as pazes a ir dormir puto da vida e acordar carrancudo no dia seguinte pensando meu Deus, por que elas são assim?

Sem falar ainda que filminhos na tevê têm comerciais longos. E todos os fins de brigas amorosas só dão em uma coisa.

Tyler, como sempre, bom texto, meu querido! Aliás, esses da Marcela são sempre meus preferidos!

Abraços!

Hélder, o míope disse...

é, pensei que a marcela fosse mais diferente, mas não, as mulheres são iguais.
hehehehe

Marina disse...

a Marcela tem anorexia? é isso que você tá me dizendo? UHAHUAUHUHAHUA, tá brincadeira.

Mas ah, é mentira isso, a Marcela não se acha gorda, não é gorda, isso provavelmente foi um drama que ela mesma armou.

:**

Pâmela disse...

Pults, o que você tinha na cabeça pra falar que algo deixa elas mais gorda?
Nem que seja pra um esqueleto, nunca diga isso pra uma mulher!
Só mulheres podem dizer isso para mulheres!
hauhauhauhauaahauhau
Mais a história é muito legal!
Seu blog é muito bom, Parabéns!

Kamilla Barcelos disse...

Definitivamente a última coisa q pode se dizer a uma mulher é a palavra "gorda"!! Nós já nascemos traumatizadas com isso!hehe

Hélder, o míope disse...

liga não cara, você não tá ficando velho não.
é que eu ainda assisto desenho, e gosto pacas.

brigadão por marcar presença por lá.
abç

Roberta Andressa Mondadori disse...

Ainda bem que depois você refletiu e viu que é melhor não ser muiiittooo sincero, podia ter dito que gostava dela mais com uma “tal roupa” que você já tenha a visto usando, segue o conselho!

^^

Boa noite pra você!

poeta sórdido disse...

brigaod pela visita no depósito;

aqui é legal, terá meu retorno.

rick galdino disse...

Mulheres...

Acho que isso aconteceu com quase todos os homens, mas a Marcela viu que foi injusta.

Janaína S. disse...

Mulher que é mulher, já teve uma crise de Marcela... *ou várias!

Juliana disse...

gosto das pessoas que vão.

Larissa Bohnenberger disse...

Ah, mas também, né?
Tenho que dar razão à crise da Marcela! Tem que ter jeitinho para dizer certas coisas para uma mulher. Excesso de sinceridade é um dos fatores mais responsáveis pelo fim de relacionamentos, sabia? Rsssss!
Bjs!