sábado, 17 de novembro de 2007

Linda e William

Linda e William se conheceram dois anos antes de começarem a faculdade, que fizeram e terminaram juntos. Durante seis anos foram os melhores amigos um do outro. Dividiam experiências, segredos, solidões, bebedeiras e festas. Estavam sempre juntos, mesmo quando algum arrumou um caso mais forte ou até um namoro mais sério. Nada os separava.

Linda amava William, ela sabia, mas ele não. E William amava Linda, ele também sabia, só ela não. E assim viveram todos aqueles anos. Se amando, sabendo e sem saber. Após a formatura ela voltou para a casa dos pais, umas três horas longe, prometendo a ele, e ele a ela, que nunca estariam separados, que nunca perderiam contato, isso eles sabiam. Pouco mais de dois meses depois se encontraram e em menos de dez minutos já tinham se declarado. Nenhum dos dois acreditava em nada. Tanto tempo juntos, querendo estar mais juntos, e só agora podiam. E a culpa era só deles.

O tempo passava e as coisas não podiam melhorar. O pedido era inevitável. William escolheu o dia mais frio do ano, baseado em horas e horas de análise meteorológica; tudo seria perfeito. Durante a tarde, Linda recebeu cinco dúzias de rosas vermelhas com os cartões mais apaixonados. A noite caiu fria e eles, devidamente encasacados, chegaram ao melhor e mais tradicional restaurante da cidade. O prato preferido dos dois - só uma entre as milhões de coisas que tinham em comum -, o champagne francês, as velas, tudo como deve ser. Para os ouvidos, o melhor cantor de restaurante da região, cantando perfeitamente os maiores sucessos de Sinatra; e de quem mais poderia ser?

Enquanto comiam, William pensou em todos os momentos que passaram juntos naquele tempo todo. Sentiu todos os cheiros dela, lembrou-se de cada um dos seus sorrisos. Sim, eles deviam ficar juntos para sempre, não havia dúvidas. Então William tomou a mão de Linda, bebeu um belo gole de champagne, respirou fundo, olhou-a bem nos olhos e quando começava a gaguejar algo, foi interrompido pelo sorriso mais bonito que já se viu:

"Eu caso!"

E essa era uma das coisas que ele mais amava na Linda. Tudo que era extremamente difícil para ele fazer, ela conseguia deixar tão mais fácil...


Tyler Bazz
(Flaming Sideburns..)

15 comentários:

taiscarla disse...

(suspirando...)

hehehehehe
q fofo!!!!!!!

ai, teve uma parte q eu li sem a vírgula... foi engraçado
ehehehehehe

e eu axo q vc tm reserva aí sim e
q devia dar um pokinho p/ mim :(

hehehehehehe

Victor the Stranger disse...

que nomes mais USA 90s

Estudaram em Yale e depois foram empregados pelo Governo Americano (L)

Gilgomex™ disse...

lembro-me de meus tempos de infancia...

namorei com umas duas ou três meninas...

mas ela não sabiam, e nunca corresponderam... hueuehuehue.

PS: tem novidade lá na "Coluna"... A partir de agora, além de ler, você poderá ouvir os posts!!! abraço.

Marcello disse...

Puto transpirando fofura... ;D


E parece até que ele anda se inspirando em coisas pra escrever ;x
AHUAHUHAUHA

;****

Mila disse...

Que lindo!
Me identifiquei com essa coisa de amar em segredo o grande amigo.
rs

Espero que a minha história acabe assim, feliz, como a sua.

***
Menino! Chico é tudo! Talentoso e lindo!
A mulherada delira com razão... rsrs

A_for_Anetta disse...

Poxa, eu esperava um final bizarro/cômico... Dessa vez sim, vc surpreendeu UHAUAHAUA

=*****

nina disse...

tão meigo e impossível...

Rharry Belloti disse...

Amei otexto!! Super emocionante, principalmente para quem tá completando hoje, um ano de namoro!!
Parabéns pelo blog e pelos textos.
Obs.: num dia tão especial, para mim, como hoje...torço que todas as pessoas tenham a mesma sorte que eu e Linda tivemos de viver o amor perfeito!

Isadora A. disse...

esse poder das pessoas amadas....

FINA FLOR disse...

ah, o amor.............!!!

beijos, querido e boa semana,

MM.

Israel disse...

Que profundo...pensei que o artigo tomaria outro rumo..podemos dizer "alternativo"

http://bafonbafu.zip.net/

Eilahhh disse...

Ta delicadamente bonitinho!!!

Wiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

=***

Eilahhh disse...

ah... oh... ah

atualizei de noooovo o blog... comportamento atípico!

Bruno disse...

Precisava arranjar uma Linda pra minha vida.

SAMANTHA ABREU disse...

Eêêê!
adorei!
Muito boa narrativa!


Tem coisa nova no Falópio!
http://versosdefalopio.blogspot.com/
Aparece por lá!
Um beijO!